Webinar Como eu faço?

Apresentação:

É comum pensarmos que discutir como fazer algo com um grupo de pessoas,  nos passa uma percepção que o elemento em estudo, que estamos escrutinado, será aperfeiçoado.

Podemos considerar esta premissa como verdadeira, se o grupo de discussão for formado por pessoas que executam e possuem algum conhecimento sobre o elemento. Cada um com  sua experiência, sem dúvida contribuirá para melhorar aquilo que nos propusemos a discutir.

Objetivo:
Tendo este foco, a MM Learning traz  para 2021 o Webinar “Como eu faço?” que tem como objetivo trazer especialistas de diferentes áreas da microbiologia, para discutir com uma plateia interessada de como ele faz temas relevantes no dia a dia do laboratório de microbiologia.

Publico alvo:
Microbiologista.

As palestras se darão às terças-feiras às 20h00 na Plataforma da MM Learning (ead.mundomicrobiologia.com.br)

  • Data06/04 às 20h
  • Profª.:Kelly Aline Santiago
  • Carga Horária01h e 30min
  • FormatoSíncrono (AO VIVO)
  • InvestimentoR$ 98,00
Tema: Aplicação de testes rápidos para a identificação de microrganismos

Em laboratórios de Microbiologia Clínica o isolamento pela cultura e identificação de microrganismos de amostras de pacientes ainda permanecem o principal método para diagnósticos de doenças infecciosas.

Métodos rápidos e eficientes para a detecção e caracterização de microrganismos, contudo, sempre foram e continuam sendo pesquisados por microbiologistas, tendo em vista a emergência em se diagnosticar esses tipos de patologia.

Na década de 1960, métodos que exploravam conceitos básicos de imunologia foram introduzidos no laboratório clínico para diagnósticos de doenças.

O método de EIA e a tecnologia de hibridomas alterou completamente o papel da sorologia no diagnóstico das doenças infecciosas. O avanço das técnicas permitiu que métodos, que no início eram desenhados para a pesquisa de anticorpos, fossem modificados para a detecção de antígenos do patógeno envolvido.

A partir dos anos 2000 técnicas moleculares e mais recentemente a adoção da espectrometria de massa de forma mais ampla trouxeram um novo caminho para o laboratório de microbiologia clínica.

Para o desenvolvimento desses métodos rápidos, estudos de especificidade, sensibilidade e eficácia devem ser feitos, sempre comparados com métodos de referência.

Sendo assim, na escolha dos métodos rápidos que serão introduzidos no laboratório de microbiologia, o microbiologista deve se perguntar, porque, quais, como e quando introduzir. Quais as vantagens que o método escolhido trará para o processo e para o paciente.

A MM Learning traz para você a Dra. Kelly Aline Santiago para mostrar e discutir as vantagens e desvantagens dos métodos de diagnóstico rápido empregados no laboratório que ela atua.

Venha discutir com ela suas dúvidas.

Matricule-se

OBS.: a MM Learning reserva o direito de cancelar o evento caso não atinja o número mínimo de participantes.